Moradora de Planaltina de Goiás é violentada após tomar líquido duvidoso

Na manhã de quarta-feira (11), policiais militares de serviço em Planaltina de Goiás receberam denúncia em a médica do Posto de Saúde da Quadra 2, do Setor Norte, informou que uma paciente deu entrada com sinais de violência sexual.

Na unidade de saúde, a vítima, uma mulher de 30 anos, relatou que estava no Lago Norte, em Brasília, na companhia de um colega de trabalho e ele colocou gotas de substancia liquida na comida da vítima dizendo que ficaria mais “gostosa”, porém o liquido a deixou em estado de sono, não se lembrando do que aconteceu depois. Horas mais tarde foi retomando a consciência e foi para casa ainda sonolenta, porém, começou a sentir dores nas partes íntimas o que fez procurar o posto de saúde, onde a médica de plantão encontrou vestígios de violência sexual.

A vítima foi encaminhada à Delegacia de Polícia Civil, que tomou conhecimento do caso e o investigará.

Ocorrências Políciais is Stephen Fry proof thanks to caching by WP Super Cache