Acusados de latrocínio na Zona Rural de Formosa são recambiados pela Polícia Civil

O Grupo Especial de Repressão a Crimes Patrimoniais de Formosa (GEPATRI), no dia 14 de janeiro de 2020, conduziu para Fornosa-GO os responsáveis pelo crime de latrocínio ocorrido no dia 04 de janeiro de 2020, em desfavor da vítima Valdineto Vieira Neves.

Conforme investigações, dois indivíduos, em posse de um pedaço de madeira, desferiram violentos golpes na cabeça da vítima, acarretando seu óbito. Os investigados então subtraíram o veículo GM Prisma, um celular, uma sanfona avaliada em RS 25.000,00 (vinte e cinco mil reais) e objetos pessoais da vítima.

As investigações demonstram que a vítima estava na companhia dos suspeitos momentos antes do cometimento do delito. Após o crime, os investigados empreenderam fuga para a Bahia, sendo capturados no município de Barreiras, presos em flagrante delito em razão de outro furto ocorrido durante a fuga.

Em contato com a Polícia Civil da Bahia, foi dado cumprimento ao mandado de prisão preventiva referente ao crime de latrocínio, no dia 09 de janeiro de 2020, sendo que nesta terça-feira, 14, a equipe do GEPATRI de Formosa deslocou até o município de Barreiras e conduziu os investigados para Formosa, a fim de que as investigações sejam concluídas.

No retorno para Formosa, a Sanfona da vitima foi recuperada pela equipe policial. Os envolvidos serão indiciados pelo crime de latrocínio e podem ser condenados a uma pena de 20 (vinte) a 30 (trinta) anos. A dupla permanecerá a disposição do Poder Judiciário. Polícia Civil, compromisso com a verdade e a justiça.

Ocorrências Políciais is Stephen Fry proof thanks to caching by WP Super Cache